(31) 3224-7378 / (31) 98623-9711 (whatsapp) - contato@odontologiaesaudebh.com.br

BEBA ÁGUA PARA HIDRATAR E CUIDAR DA SAÚDE BUCAL

BEBA ÁGUA PARA HIDRATAR E CUIDAR DA SAÚDE BUCAL

No calorão que tem feito, ter mais sede é normal e até bom para o corpo se manter hidratado e a saúde bucal fortalecida. Hum? “O que a saúde bucal tem a ver com a hidratação corporal?”, você deve ter se perguntado. Pois  saiba que assim como o corpo precisa de água para sobreviver (cerca de 65% do corpo humano é composto por água), a saúde bucal também precisa deste líquido inodoro, transparente e refrescante para manter as funções vitais da boca. A seguir a gente te explica com mais detalhes.

Seu corpo desidrata fácil

Pura verdade o que o título diz e a gente é que não percebe isso ao longo de 24 horas. Nos dias quentes que temos vivido, a perda de líquidos corporais é maior porque o corpo libera mais calor para regular a temperatura, o que gera mais transpiração (suor) e assim água e sais minerais são liberados com mais intensidade pela pele. Como autodefesa, o organismo pede mais água (aquela sede enorme que dá na gente) para repor tudo o que foi perdido e manter o metabolismo em equilíbrio.

 

A vilã, a boca seca

Em se tratando de saúde bucal, quando o corpo começa a ficar desidratado a boca fica seca, com pouca saliva e um início de desconforto que pede a ingestão de líquido para amenizar. Aqueles que sofrem com este incômodo frequente, a xerostomia (quem faz uso diário de medicamentos, principalmente os idosos) sabem do que estamos falando. E do perigo que é não manter a boca hidratada.

A saliva é formada por cerca de 99% de água e seu restante é constituído por substâncias orgânicas e sais minerais. É justamente ela que mantêm a boca lubrificada, limpando os tecidos orais e iniciando a digestão durante a mastigação. Se a quantidade de saliva está abaixo do ideal, certas bactérias e fungos podem se instalar na boca, gerando desconfortos, cáries e dificuldade de engolir os alimentos.

 

Como se manter hidratado

O corpo humano precisa sempre manter seu nível de água equilibrado para não gerar desestabilizações em seu metabolismo. E estamos falando é de água pura mesmo, que claro pode ser complementada com a ingestão de sucos, vitaminas, frutas e legumes (alguns deles possuem um elevado nível de água na composição, como a melancia, melão, laranja, chuchu, abobrinha dentre outros).

Evitar refeições condimentadas e industrializadas ajuda a ficar longe do sódio, que provoca a retenção de líquidos e que faz mal. E quem não consegue beber água pura, pode investir na água de coco, um isotônico natural para se manter hidratado (sem exagerar, é claro).

Deu para entender um pouco da importância de se ingerir água para evitar complicações corporais e na saúde bucal? A gente espera que sim e que você esteja tendo um verão bem alegre e refrescante! Quem ficou com dúvidas ou possui questionamentos sobre a saúde bucal, vem dar uma passadinha aqui na clínica para conversar com a gente, vamos adorar te receber! Continue aproveitando as cores e emoções da estação sem deixar de ingerir muita água, hein?

Você também pode gostar de:


O GOSTO RUIM QUE PODE TER UM BEIJO

O GOSTO RUIM QUE PODE TER UM BEIJO

Os dias de folia estão se aproximando e a contagem regressiva para o descanso e diversão já começou, a gente sabe. O que nem todo mundo sabe é que a famosa azaração, clima de paquera e “ficadas” (como dizem os jovens), o “beijar muito”, é um comportamento que pode ter algumas consequências inesperadas para a saúde bucal e até corporal. Sem querer privar ninguém da folia, mas sem também...
Dentes de leite

Dentes de leite

Você sabia que a saúde bucal do bebê começa na barriga da mãe? O programa de acompanhamento preventivo (PAP), garante a orientação correta quanto a higiene bucal do bebê e etapas de evolução dos dentes de leite. Se você tem uma criança de 0 a 17 esse programa é ideal para você. A Mr. Clean preparou 9 dicas sobre os dentes de leite, veja: http://odontologiaesaudebh.com.br/pap-infancia/  ...
SAÚDE BUCAL: PREVENÇÃO OU ESTÉTICA?

SAÚDE BUCAL: PREVENÇÃO OU ESTÉTICA?

Quando o assunto é saúde bucal, é comum vir à mente um sorriso bonito, dentes perfeitos e aparência que transmite vitalidade. A estética então acaba se sobressaindo ao hábito da prevenção, contudo beleza nem sempre é sinal de saúde. Inclusive, na odontologia, o caminho é sempre a garantia da saúde bucal primeiro, para depois se tratar a parte estética do sorriso. Confira alguns motivos sobre a importância de se...
8 dicas sobre Saúde e Terceira Idade

8 dicas sobre Saúde e Terceira Idade

Quando devemos nos preocupar com a terceira idade? Aos 30, 40, 50? Alcançar uma longevidade com saúde, tem se tornado o desejo de muitos. A alimentação, qualidade do sono e os exercícios físicos regulares, são sem dúvida fatores que influenciam para uma vida longa e saudável. Sam Sonny Bryant é um Fisicoturista que começou a malhar com 44 anos, hoje com cerca de 70 ele é um exemplo de...
Uso do enxaguante bucal

Uso do enxaguante bucal

Muito se engana quem acha que o enxaguante bucal tem que arder bastante a boca na hora do bochecho. Produto sempre divulgado na mídia, muitos adeptos não sabem que seu uso requer orientações de um dentista, afinal ele só é benéfico para quem tem doenças periodontais, para as pessoas que não possuem estas doenças o efeito é nulo. Primeiramente é bom frisar que utilizar o antisséptico bucal no lugar...
Nossa boca, nossa saúde

Nossa boca, nossa saúde

Partindo do princípio de que, “tudo que nutre o nosso corpo é absorvido por via oral”, é de grande importância que passemos a observar atentamente os sinais ou alertas disparados pelas condições de nossa boca. Por exemplo, quando estamos com a boca amarga é um indício de que podemos estar com o nosso fígado sobrecarregado. O mau hálito e as aftas constantes podem ser alertas para problemas estomacais e...