(31) 3284-3223 / (31) 98623-9711 (whatsapp) - contato@odontologiaesaudebh.com.br
TEMPERATURAS BAIXAS, SORRISO SAUDÁVEL EM ALTA

TEMPERATURAS BAIXAS, SORRISO SAUDÁVEL EM ALTA

O frio costuma trazer não só as temperaturas mais baixas, ele traz também a possibilidade de desconfortos bucais. Para que certos sintomas não atrapalhem quem gosta de curtir o friozinho da estação (que este ano veio com uma intensidade maior), é bom ficar de olho nos cuidados citados a seguir. Ranger de dentes por causa de dor ou incômodo não dá, só em caso de bater uma brisa fria, né?   Desconfortos na boca e nos dentes em dias frios A boca possui temperatura constante de 36ºC a 38ºC e no inverno a temperatura do ambiente cai bastante, atingindo 10ºC. Este fenômeno, chamado inversão térmica, pode gerar incômodos. As pessoas que não estão com lesão ou trauma nos dentes talvez sintam uma sensibilidade maior a ponto de terem que usar cremes dentais específicos. Quem está com algum tipo de problema bucal tem mais chance de sofrer com o frio, afinal a tendência é que a temperatura baixa aumente os sintomas. Outras sensações comuns da época são quanto aos resfriados, gripes e sinusites que deixam a boca ressecada durante o sono – as sinusites podem provocar dores nos molares e pré-molares devido à possibilidade da inflamação atingir os seios maxilares, onde ficam estes dentes.   Cuidados com a saúde bucal no inverno O ideal é não exagerar no consumo de certos tipos de bebidas e alimentos calóricos. Como o café, vinho e chás escuros possuem muitos pigmentos e geralmente são adoçados, eles costumam comprometer a saúde bucal (manchas, cáries, corrosão do esmalte e dores). Os carboidratos e chocolates também são os queridinhos da estação e também das cáries, devido ao...
APARELHO: MELHOR O TRANSPARENTE OU O INVISÍVEL?

APARELHO: MELHOR O TRANSPARENTE OU O INVISÍVEL?

Dentre os caminhos atuais da odontologia estética, quem decide usar aparelho ortodôntico para transformar o sorriso acaba se deparando com as opções mais estéticas, além da metálica. Ao analisar qual tratamento é o que mais interessa o paciente, em comparação com o tradicional aparelho metálico, existem os métodos transparente ou invisível. Conhecer um pouco sobre cada um é o primeiro passo para a escolha certa.   Iguais nos objetivos, diferentes na estrutura Se você olha para um aparelho transparente e um aparelho invisível, é fácil notar as diferenças entre eles. Antes de falarmos dos aspectos divergentes, elencamos alguns pontos em comum. Ambos surgiram para deixar os dentes perfeitos, o sorriso alinhado e saudável. Eles proporcionam um efeito camuflagem: tem um aparelho corrigindo os dentes, mas quase não dá para notar isso. E é fato: eles são tratamentos que deixarão o sorriso do paciente mais bonito, elevando a autoestima do mesmo.   Transparente, mas com benefícios visíveis O tratamento ortodôntico transparente tem lá suas vantagens. Formado por peças que imitam a cor dos dentes, ele é um método mais próximo do aparelho fixo tradicional, devido à sua estrutura semelhante e rotina de cuidados. Como ele também é colado aos dentes, o ortodontista tem um controle maior de uso feito pelo paciente. Os bráquetes são transparentes, podem ser feitos nas opções policarbonato, cerâmica (porcelana) ou safira.   Invisível e com vantagens perceptíveis Já o aparelho invisível é a nova sensação entre as celebridades, justamente por ser um método ainda mais difícil de ser notado na boca. Formado por placas transparentes e flexíveis que funcionam como uma pequena película sobre os dentes,...
O BÁSICO QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE AFTAS

O BÁSICO QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE AFTAS

Começa com um leve incômodo em uma parte minúscula da boca. Aí esse desconforto evolui e de repente.. apareceu uma afta! Bom, as aftas não aparecem sem causa, uma mordida errada na bochecha ou lábios e o uso de aparelhos fixos também podem ocasionar seu aparecimento. Os fatores provocadores variam e merecem atenção, acompanhe a seguir.   Primeiro, o que é uma afta?   Também chamada de estomatite aftosa recorrente EAR), a afta é uma lesão (úlcera) oval esbranquiçada (ou amarelada) que pode surgir em qualquer parte da boca – língua, lábios, gengiva, garganta. As aftas não possuem pus, bactérias ou sinal de infecção; variam de tamanho e geralmente são bem dolorosas.   Quais são suas causas?   Variam, por isso é importante se informar. Tem hora que uma afta pode aparecer por causa que a pessoa ingeriu certos tipos de alimentos (veremos adiante quais); devido a deficiências de ferro e vitaminas no corpo (como B9, B6 ou B12); em virtude de estresse emocional ou traumas locais na boca (um machucadinho que virou afta); quando a pessoa sofre com distúrbios gastrointestinais (como doença celíaca, de Crohn).   As etapas de uma afta   O ciclo da estomatite aftosa recorrente, vulgo afta, não é definido, depende muito da resposta do organismo. Geralmente inicia com um desconforto na mucosa da boca que, de 24 a 48 horas depois, pode apresentar um ponto avermelhado. Se ela continuar a evoluir, seu núcleo fica esbranquiçado e ao amadurecer, a ferida surge no centro da lesão. É comum seu desaparecimento ocorrer em sete dias (sem tratamento algum).   Como tratar   Se a afta persistir...
CRIA JUÍZO, TIRA O DENTE SISO

CRIA JUÍZO, TIRA O DENTE SISO

Quem dera se fosse só fazer a cirurgia para a rapaziada ter mais do discernimento que a vida adulta, pede né? Os “dentes do juízo” possuem este nome pois geralmente surgem entre os 17 a 21 anos, a idade que os jovens começam a deixar a adolescência. Os dentes siso são os últimos a aparecer na boca e acabam tendo que ser retirados para evitar complicações mais graves. No texto de hoje vamos falar um pouco sobre esta cirurgia.   Por que retirar os dentes siso Há quem não precise fazer a cirurgia, há quem precise. Por isso é tão importante acompanhar a saúde bucal dos jovens, para ver se há espaço suficiente para os sisos e se eles não estão prejudicando o alinhamento dos outros dentes. Alguns estudiosos acreditam que o siso é capaz de desalinhar os dentes, principalmente os da frente e embaixo. Portanto, converse com o seu dentista e saiba qual a opinião dele. Além do alinhamento é preciso verificar casos em que a escova não consegue limpar direito o siso; fala e mordida alteradas; dificuldade de nascimento de outros dentes; infecções frequentes (cáries ou doença periodontal); dores na mandíbula e ouvido ou quando o siso está em contato com a raiz de outros dentes – a cirurgia para retirada é essencial.   Preparo para a cirurgia A cirurgia da remoção do siso é tranquila, o paciente nem precisa internar. É muito importante que sejam tomados todos os cuidados passados pelo dentista, assim as complicações após o procedimento quase não têm chance de ocorrer. No dia da extração, o ideal é que seja feita uma refeição...
DIA NACIONAL DE COMBATE AO CÂNCER

DIA NACIONAL DE COMBATE AO CÂNCER

O dia 27 de novembro é marcado como o Dia Nacional de Combate ao Câncer, doença que tem aumentado o número de casos ao longo dos anos. A data surgiu em dezembro de 1988 quando a Portaria do Ministério da Saúde GM nº 707, instituiu o dia para que a população brasileira se mobilizasse quanto ao controle da doença no Brasil. A Mr. Clean separou algumas informações básicas sobre este tipo de enfermidade, com foco no câncer de boca. O que é o câncer? Tão temida (e com razão) pela maioria das pessoas em todo o mundo, câncer é o nome da doença (existem mais de 100 tipos) que surge com o crescimento desordenado de células. Quando as células sofrem mutação genética – alteração no DNA dos protooncogenes (que a princípio são genes inativos em células normais) – elas se tornam cancerosas, podendo acumular em alguma parte do corpo, o que dá origem aos chamados tumores ou neoplasias malignas.   Um pouco sobre o câncer de boca A correta higienização bucal previne não só quanto a infecções no coração ou pulmão, mas também previne o câncer de boca, que pode afetar os lábios e todo o interior da cavidade oral – gengivas, bochechas, céu da boca e língua (bordas e sua parte debaixo). Os sintomas variam entre feridas na boca ou nos lábios que não cicatrizam, sangramentos sem causa conhecida, inchaços, caroços, áreas de dormência, dor de garganta persistente e manchas esbranquiçadas ou avermelhadas que não saram. Em fases mais evoluídas da doença, os sintomas podem ser mau hálito, caroço no pescoço, perda de peso ou dificuldade para falar...