(31) 3224-7378 / (31) 98623-9711 (whatsapp) - contato@odontologiaesaudebh.com.br
Avós cuidadores. Amor preventivo

Avós cuidadores. Amor preventivo

As exigências cada vez maiores na luta pela sobrevivência, e a premente necessidade de buscar o mínimo de qualidade de vida para suas famílias, os pais muitas vezes se vêm obrigados a recorrer à ajuda abençoada dos avós. E estes fazem em sua grande maioria o papel de educadores. Frequentemente os problemas odontológicos na primeira infância, são oriundos de falta de informação e maus hábitos praticados no passado. Relatamos aqui alguns alertas que vão contribuir sobre maneira na preservação da saúde bucal e integral dos menores. Aqui seguem algumas dicas interessantes: – No sétimo mês de gestação são formados o paladar e a gustação do bebê, se a mãe gostar de guloseimas com certeza o bebê também vai gostar. – As radiografias deverão ser evitadas nos primeiros meses. – O bico poderá ser usado como acalento nos primeiros meses, mas nunca como tapa boca. – Se precisar usar o bico para adormecer, o ideal é que retire assim que o bebê dormir. – A sucção do dedo deve ser evitada. E neste caso vale a brincadeira: é bem mais fácil tirar um bico do que cortar um dedo. – O leite materno é único e o mais rico alimento nos primeiros seis meses de vida do bebê. – Recomenda-se o uso de mamadeiras com o bico anatômico, ortodôntico. – Se for adotado o uso do bico, este também deve seguir a mesma linha anatômica da mamadeira. – O início da dentição pode causar irritação, dor, agitação durante o sono, coceiras pelo corpo, salivação aumentada, diarreia e febre baixa. – A cárie é uma doença transmissível, que pode e deve...
Página 2 de 212