(31) 3224-7378 / (31) 98623-9711 (whatsapp) - contato@odontologiaesaudebh.com.br

CRIANÇAS E JOVENS COM SORRISOS NOTA 10

CRIANÇAS E JOVENS COM SORRISOS NOTA 10

As férias escolares acabaram e a rotina dos mais novos volta esta semana com tudo! O que não pode ficar de fora no volta às aulas é também a higiene bucal das crianças e adolescentes (aos que não a deixaram de lado, parabéns!). A seguir vamos dar alguns macetes para facilitar a retomada do hábito, afinal a saúde bucal não é menos importante que higiene corporal, alimentação, sono, estudos, esporte ou diversão.

 

Deixe o kit de higiene bucal do seu filho sempre completo

É bom que o kit bucal tenha todos os aparatos necessários. A escova de dentes deve ser escolhida de acordo com a idade, existem modelos para bebês e crianças. As cerdas devem ser macias e finas, a cabeça pequena e circular (para alcançar os espaços estreitos da arcada), o cabo emborrachado para que a escova não escorregue da mão. E vale a pena confirmar com o dentista o período ideal de troca da mesma.

Sobre o creme dental, existem os personalizados. Tem os com embalagem temática (assim como as escovas, tem do personagem preferido da criançada) e gostinho de infância (sabor tuti frutti). Fique atento se a pasta dental possui quantidade menor de flúor. E não se esqueça do fio dental: quanto mais cedo a criança usar, mais fácil dela criar este hábito. Compre o modelo simples com ação anti-cáries, assim previne as bactérias cariogênicas que são tão comuns na infância.

 

Explique para seu filho a importância de escovar os dentes

Ensine aos pequenos que uma pessoa que não escova os dentes direito pode sofrer com doenças graves, de cáries a desequilíbrios na saúde geral. As bactérias que vivem em nossa boca nos protegem de fatores externos, porém elas se aderem à cavidade bucal junto com os restos de alimentos, formando a placa bacteriana. É desta placa que surgem os problemas.

O sangue que circula nos dentes é o mesmo que circula nas demais partes do corpo, por isso ele pode transportar qualquer tipo de infecção que esteja na boca para os órgãos e tecidos. Temos até um texto com outras dicas para você conseguir criar este hábito na rotina dos mais novos. Conversar com frequência sobre o assunto com o dentista e outros pais e responsáveis são medidas que também ajudam na hora de educar.

 

Prepare lanches mais saudáveis para eles

A correria do dia a dia parece ser a justificativa perfeita para você comprar lanches embalados e prontos, certo? Então se lembre da dica de alimentação que muitos nutricionistas falam e que vale para qualquer idade: “desembalar menos, descascar mais”. Se organizar, é possível evitar  refrigerantes, sucos industrializados, biscoitos, bolos e refeições prontas. Estudos recentes comprovam que uma alimentação não saudável favorece obesidade e doenças dentais em crianças e adolescentes.

Então capriche na criatividade e pesquisa nutritiva para que o carrinho de compras só fique cheio de verduras, legumes, cereais, frutas, leite, queijo e iogurtes, alimentos que não possuem muito açúcar na composição. Pense em uma coisa: de quebra você e o seu filho passarão a viver ingerindo mais nutrientes, melhorando não só a saúde bucal mas como do corpo inteiro.

E para finalizarmos, vale ter atenção caso os jovens pratiquem esportes que exijam protetores bucais (evitar uma fratura na boca é prevenção de traumas odontológicos que às vezes duram a vida inteira). E claro, traga a meninada para visitar o dentista após o período de recesso. O profissional fará uma avaliação e um tratamento preventivo (venha se encantar com nosso PAP) para que você e a criança ou adolescente sorriam pra vida com dentes bem lindos neste segundo semestre do ano!

Você também pode gostar de:


VOCÊ SABIA QUE BEIJAR MUUUITO…PODE SER PERIGOSO??

VOCÊ SABIA QUE BEIJAR MUUUITO…PODE SER PERIGOSO??

Vamos pra balada, pura energia e animação. Solteiros, na pista, beijar muuuuito é a meta da maioria. Sem compromisso tudo é diversão. A nossa saliva é um dos fluídos corporais mais complexos, responsável pela lubrificação e proteção de toda cavidade bucal, auxilia na mastigação, deglutição, fala, beijo e começo da digestão. Controla os níveis de água no organismo, reduz a acidez da boca, previne cáries e enfermidades. Poderosa essa...
Troque os hábitos por um sorriso bonito

Troque os hábitos por um sorriso bonito

Todo clareamento dental (laser ou moldeira), exige no mínimo, 72h de alimentação especial, sem corantes e acidulantes. Diversas pessoas desistem do sorriso perfeito por acharem que irão passar fome, ou por não conseguirem ficar sem beber refrigerante, sucos, café ou fumar por alguns dias. Se você não sobrevive sem alguns alimentos como chocolate, chá, molho de tomate, etc, pode ser necessário uma reeducação alimentar antes do clareamento. Quais hábitos...
CIGARRO? NÃO, A SAÚDE BUCAL AGRADECE

CIGARRO? NÃO, A SAÚDE BUCAL AGRADECE

Vamos combinar que não só a saúde bucal, mas a saúde geral do seu corpo agradece por você não fumar. Hoje é o Dia Nacional de Combate ao Fumo e por isso decidimos falar sobre os riscos que este péssimo hábito causa para quem faz uso de cigarro branco, de palha, charuto, narguilé, drogas, dentre outros tipos. Para além do sorriso amarelado e o mau cheiro impregnado, tragar substâncias...
O GOSTO RUIM QUE PODE TER UM BEIJO

O GOSTO RUIM QUE PODE TER UM BEIJO

Os dias de folia estão se aproximando e a contagem regressiva para o descanso e diversão já começou, a gente sabe. O que nem todo mundo sabe é que a famosa azaração, clima de paquera e “ficadas” (como dizem os jovens), o “beijar muito”, é um comportamento que pode ter algumas consequências inesperadas para a saúde bucal e até corporal. Sem querer privar ninguém da folia, mas sem também...
O BÁSICO QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE AFTAS

O BÁSICO QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE AFTAS

Começa com um leve incômodo em uma parte minúscula da boca. Aí esse desconforto evolui e de repente.. apareceu uma afta! Bom, as aftas não aparecem sem causa, uma mordida errada na bochecha ou lábios e o uso de aparelhos fixos também podem ocasionar seu aparecimento. Os fatores provocadores variam e merecem atenção, acompanhe a seguir.   Primeiro, o que é uma afta?   Também chamada de estomatite aftosa...
Implante: fazer ou não? É caro ou barato?

Implante: fazer ou não? É caro ou barato?

Relato da Paciente: Regina Oliveira / Fotógrafa e Comunicadora Itatiaia Hoje vou falar de um tratamento odontológico que gera muitas dúvidas e insegurança, primeiro por ser um procedimento cirúrgico e, segundo, por imaginarmos ser dispendioso. Muitas pessoas que perdem os dentes ao longo da vida, seja por acidente, doenças bucais, ausências naturais dos incisivos ou até mesmo por tratamento mau feito – como é o meu caso – têm...