(31) 3224-7378 / (31) 98623-9711 (whatsapp) - contato@odontologiaesaudebh.com.br
Rua dos Tupis, 38 - Conj. 802
Centro - Belo Horizonte MG

RONCO OU APNEIA, A ODONTOLOGIA PODE TRATAR

RONCO OU APNEIA, A ODONTOLOGIA PODE TRATAR

Vários fatores podem ocasionar que uma pessoa tenha uma noite mal dormida, como sobrepeso, maus hábitos, rotina inexistente, problemas psicossociais, doenças orgânicas, medicamentos e fatores otorrinolaringológicos ou odontológicos. Exatamente, ronco e apneia são uma das causas que afetam o sono. A notícia boa é que para ambos existe tratamento e ele pode ser feito, inclusive, no dentista. A gente vai explicar mais, olha só.

 

Diferença entre ronco e apneia

Ronco e apneia, mesmo que usados como sinônimos no dia a dia, não são a mesma coisa. O ronco é aquele barulho chato (às vezes alto demais) quando o ar passa de forma obstruída (ou estreita) pelas vias respiratórias durante o sono, por isso gera ruídos. A apneia é, digamos, que um ronco evoluído para um estado perigoso, quando a garganta fica obstruída durante o sono.

O perigo se encontra no fato da pessoa parar de respirar por alguns segundos, o que aumenta as chances de ocorrência de infarto ou AVC, o que torna-se um quadro fatal. Nos casos mais graves de apneia são indicados o uso do CPAP (Continuous Positive Airway Pressure, traduzindo, pressão positiva contínua em vias aéreas) que é um aparelho para fazer a oxigenação durante o sono.

 

Sintomas que devem ser analisados

Cada pessoa sente os efeitos de uma noite mal dormida de uma maneira, mas geralmente os sintomas são: diminuição de reflexos durante o dia (por isso o risco elevado de acidentes no trabalho, principalmente quem trabalha com transportes ou maquinários), baixo rendimento escolar, sonolência diurna, problemas conjugais ou sociais. Associar a sonolência aos distúrbios do sono é difícil de ser feito, a pessoa só se dá conta de que esta pode ser a causa quando o outro reclama (o cônjuge, o amigo, o parente etc).

 

Como tratar com a ajuda de um dentista

Fazer um tratamento para um distúrbio do sono envolve uma equipe multidisciplinar, como pneumologistas, otorrinolaringologistas, neurologistas e psiquiatras. Tanto que geralmente eles solicitam a polissonografia, exame que monitora o sono do paciente. De acordo com o resultado, ocorre o encaminhamento para o dentista. Porém o contrário também pode ocorrer: se o dentista identificar que o paciente possui um caso grave de distúrbio do sono, ele encaminhará para a equipe multidisciplinar.

Nos casos de ronco ou apneia de nível leve a moderado, o dentista é capaz de tratar o quadro clínico do paciente. Serão prescritas as placas de avanço mandibular para serem usadas durante a noite, também chamadas de aparelho intra-oral. O ser humano possui o maxilar e a mandíbula pequenos (se comparado aos demais mamíferos) e quando ele dorme, a musculatura relaxa, fator que pode gerar a obstrução da garganta (a apneia).

Sabemos que dormir perto de alguém que sofre com estes distúrbios do sono não é fácil, às vezes a pessoa dorme melhor do que você que ficou incomodado com o ruído. Então se seu cônjuge, parceiro ou parceira, ou até parente e amigo sofrem deste mal, oriente a ida ao dentista, o tratamento é possível. Aqui na Mr. Clean já ajudamos muitos pacientes a terem uma noite de sono mais tranquila. Na dúvida, melhor consultar o médico dos dentes, não é mesmo?

Você também pode gostar de:


5 ATITUDES PARA PERDER O MEDO DE IR AO DENTISTA

5 ATITUDES PARA PERDER O MEDO DE IR AO DENTISTA

Estudos comprovam, as pessoas que têm medo de ir ao dentista infelizmente possuem uma saúde bucal ruim. Isto porque o que era um simples desconforto acaba se tornando uma cárie, uma inflamação grave e o desequilíbrio só aumenta. Sendo medo ou fobia, não importa o grau do receio, a visita ao dentista é muito importante para a saúde da boca e do restante do corpo. Vamos aprender algumas medidas...
BEBA ÁGUA PARA HIDRATAR E CUIDAR DA SAÚDE BUCAL

BEBA ÁGUA PARA HIDRATAR E CUIDAR DA SAÚDE BUCAL

No calorão que tem feito, ter mais sede é normal e até bom para o corpo se manter hidratado e a saúde bucal fortalecida. Hum? “O que a saúde bucal tem a ver com a hidratação corporal?”, você deve ter se perguntado. Pois  saiba que assim como o corpo precisa de água para sobreviver (cerca de 65% do corpo humano é composto por água), a saúde bucal também precisa...
TEMPERATURAS BAIXAS, SORRISO SAUDÁVEL EM ALTA

TEMPERATURAS BAIXAS, SORRISO SAUDÁVEL EM ALTA

O frio costuma trazer não só as temperaturas mais baixas, ele traz também a possibilidade de desconfortos bucais. Para que certos sintomas não atrapalhem quem gosta de curtir o friozinho da estação (que este ano veio com uma intensidade maior), é bom ficar de olho nos cuidados citados a seguir. Ranger de dentes por causa de dor ou incômodo não dá, só em caso de bater uma brisa fria,...
8 dicas sobre Saúde e Terceira Idade

8 dicas sobre Saúde e Terceira Idade

Quando devemos nos preocupar com a terceira idade? Aos 30, 40, 50? Alcançar uma longevidade com saúde, tem se tornado o desejo de muitos. A alimentação, qualidade do sono e os exercícios físicos regulares, são sem dúvida fatores que influenciam para uma vida longa e saudável. Sam Sonny Bryant é um Fisicoturista que começou a malhar com 44 anos, hoje com cerca de 70 ele é um exemplo de...
FELIZ NATAL COM O SORRISO SEMPRE LINDO E SAUDÁVEL

FELIZ NATAL COM O SORRISO SEMPRE LINDO E SAUDÁVEL

Fim de ano é sempre a mesma história: festa repleta de comes e bebes com amigos, família ou colegas de trabalho. É raro resistir às delícias da data, que acabam sendo refeições ricas em gordura, carboidratos e açúcares. Aproveitar as festas de final de ano não é um problema, desde que seja feita a correta higienização bucal para preservar dentes, boca e gengiva. Se liga nas orientações para você...
5 PERGUNTAS IMPORTANTES SOBRE A GENGIVITE

5 PERGUNTAS IMPORTANTES SOBRE A GENGIVITE

Gengiva mais inchadinha, doendo na hora de comer algo ou, principalmente, de escovar os dentes. E quando sangra e você cospe na pia a espuma da pasta de dente avermelhada, num dá uma certa preocupação? Pois saiba que se cuidar para evitar ou então tratar direitinho com o dentista, a Gengivite não vira um problema maior capaz de atrapalhar sua rotina. Se liga nas cinco perguntas que preparamos no...