(31) 3284-3223 / (31) 98623-9711 (whatsapp) - contato@odontologiaesaudebh.com.br
CIGARRO? NÃO, A SAÚDE BUCAL AGRADECE

CIGARRO? NÃO, A SAÚDE BUCAL AGRADECE

Vamos combinar que não só a saúde bucal, mas a saúde geral do seu corpo agradece por você não fumar. Hoje é o Dia Nacional de Combate ao Fumo e por isso decidimos falar sobre os riscos que este péssimo hábito causa para quem faz uso de cigarro branco, de palha, charuto, narguilé, drogas, dentre outros tipos. Para além do sorriso amarelado e o mau cheiro impregnado, tragar substâncias não é bom, confira.   Por que o tabagismo faz mal à saúde Ao fumar um cigarro ou outra espécie de tabaco, uma pessoa tem as substâncias químicas prejudiciais passando primeiro pela boca e garganta. À medida que o comportamento se repete, as chances de prejudicar a cavidade oral aumentam, o que gera o câncer de boca. Outra consequência do tabagismo é o enfraquecimento do sistema imunológico que ele provoca, alterando a capacidade de combater bactérias presentes na boca (retarda a cicatrização gengival), acarretando nas doenças periodontais.   O câncer bucal Praticamente todos nós aprendemos, desde criança, que o fumo não faz bem para o corpo, porém mesmo assim algumas pessoas adquirem o hábito. Não entraremos em questões culturais aqui, devemos orientar quanto à prevenção e manutenção da saúde bucal. Crescemos também ouvindo falar do câncer bucal provocado por tabagismo, o que é um fato: a ciência já comprovou que a maioria dos casos desta gravíssima doença ocorre em ex-fumantes. O motivo é que esta enfermidade acontece por causa de mutações nas células sadias da boca, alterações provocadas pelo tabagismo.   As doenças bucais oriundas do fumo Só que não é apenas com o câncer de boca que devemos nos...
DOENÇAS IDENTIFICADAS PELOS DENTISTAS

DOENÇAS IDENTIFICADAS PELOS DENTISTAS

Muito se engana quem acha que o dentista cuida só da saúde da boca e dos dentes. A cada consulta ele analisa o quadro clínico da saúde bucal e dela com o resto do corpo. Caso o profissional suspeite que exista algum desequilíbrio (glicose alta, baixa imunidade, etc), o dentista orienta o paciente da necessidade de procurar um médico. A saúde bucal anda junto com a saúde corporal, por isso hoje falaremos de algumas doenças que podem ser identificadas pelo médico dos dentes.   A saúde bucal reflete a saúde geral, e vice-versa Ao sentar na cadeira do dentista o paciente abre a boca e tem sua saúde como um todo diagnosticada. Como é comum as manifestações bucais aparecerem antes de sintomas característicos das doenças, a orientação do dentista de procurar um especialista acaba sendo uma medida preventiva. Buscando ajuda médica desde cedo, a probabilidade de um tratamento mais eficiente e de cura se elevam.   Algumas doenças vistas pelo dentista O número de enfermidades que um dentista consegue ver pela boca é grande e aqui vamos citar algumas para você saber. Entram na lista: aids, bulimia, câncer (vários tipos malignos), cirrose hepática, diabetes, papilomavírus humano (HPV), osteoporose, refluxo estomacal, clamídia, sífilis, gonorreia. Ter conhecimento da possibilidade de existência dessas doenças (algumas delas são graves) não é para gerar preocupações desnecessárias, mas sim a prevenção e o tratamento a tempo.   A vantagem de usar a câmera intra-oral Em algumas clínicas odontológicas a análise da saúde bucal do paciente é realizada utilizando uma câmera intra-oral, como é o caso da Mr. Clean. Aqui nós gostamos de usar a câmera...
ENCONTRE UMA CLÍNICA QUE TE FAÇA SORRIR

ENCONTRE UMA CLÍNICA QUE TE FAÇA SORRIR

Esse texto começou a ser escrito com um sorriso no rosto, tamanha nossa alegria em conversar com você, seja na clínica ou aqui na internet. Talvez você se pergunte de onde vem essa nossa energia toda. E explicando de forma diferente do “nós amamos o que fazemos”, o porquê está no fato de lidarmos com pessoas e por isso amamos o que fazemos. Se quiser entender melhor, se liga nesse post.   Sobre a qualidade no atendimento Além dos padrões que uma clínica deve ter (profissionais registrados na categoria; higienização correta dos instrumentos de trabalho e ambiente: biossegurança; qualidade dos produtos usados; boa relação custo-benefício), nossa equipe é treinada para atender os pacientes de forma humana. Da recepção aos auxiliares de saúde bucal, somos profissionais aptos a dar o suporte necessário ao atendimento, acalmando o paciente quando preciso (até porque são inúmeras as pessoas que têm medo ou não se sentem à vontade no dentista).   Prezamos pelos procedimentos Temos bem delimitado e colocamos em prática na rotina da clínica o Procedimento Operacional Padrão. Ou seja, cada funcionário sabe muito bem a função a qual foi designado e que está pronto para fazer, favorecendo um atendimento agradável e eficiente. Inclusive gostamos de receber, sempre que possível, um feedback dos nossos pacientes, sabemos que são os retornos que nos orientam à excelência.   Um pouco do nosso jeito de ser O trabalho odontológico na Mr. Clean é realizado pautando-se na prevenção da saúde bucal dos pacientes. Somos um consultório diferenciado neste aspecto, em querer que o paciente cuide da saúde da boca e dos dentes ao máximo e tenha que...
O BÁSICO QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE AFTAS

O BÁSICO QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE AFTAS

Começa com um leve incômodo em uma parte minúscula da boca. Aí esse desconforto evolui e de repente.. apareceu uma afta! Bom, as aftas não aparecem sem causa, uma mordida errada na bochecha ou lábios e o uso de aparelhos fixos também podem ocasionar seu aparecimento. Os fatores provocadores variam e merecem atenção, acompanhe a seguir.   Primeiro, o que é uma afta?   Também chamada de estomatite aftosa recorrente EAR), a afta é uma lesão (úlcera) oval esbranquiçada (ou amarelada) que pode surgir em qualquer parte da boca – língua, lábios, gengiva, garganta. As aftas não possuem pus, bactérias ou sinal de infecção; variam de tamanho e geralmente são bem dolorosas.   Quais são suas causas?   Variam, por isso é importante se informar. Tem hora que uma afta pode aparecer por causa que a pessoa ingeriu certos tipos de alimentos (veremos adiante quais); devido a deficiências de ferro e vitaminas no corpo (como B9, B6 ou B12); em virtude de estresse emocional ou traumas locais na boca (um machucadinho que virou afta); quando a pessoa sofre com distúrbios gastrointestinais (como doença celíaca, de Crohn).   As etapas de uma afta   O ciclo da estomatite aftosa recorrente, vulgo afta, não é definido, depende muito da resposta do organismo. Geralmente inicia com um desconforto na mucosa da boca que, de 24 a 48 horas depois, pode apresentar um ponto avermelhado. Se ela continuar a evoluir, seu núcleo fica esbranquiçado e ao amadurecer, a ferida surge no centro da lesão. É comum seu desaparecimento ocorrer em sete dias (sem tratamento algum).   Como tratar   Se a afta persistir...
5 CUIDADOS QUE FAZEM O CLAREAMENTO DENTAL DURAR

5 CUIDADOS QUE FAZEM O CLAREAMENTO DENTAL DURAR

Sorriso branco é bom e todo mundo gosta, mas exige cuidados. Mesmo quem já fez clareamento dental precisa ajustar a rotina, afinal quanto mais zelo a pessoa tiver com os dentes, maior será a duração do tratamento. Então acompanhe a seguir os 5 passos que são primordiais para seu sorriso ser sempre bonito e branquinho. 1- Saiba escolher a alimentação ideal Evite alimentos de cor escura, como beterraba, açaí, suco de uva, mirtilo, bebidas à base de cafeína (café, chás, refrigerantes), vinho tinto, molho de soja ou catchup. Se for ingerir algo assim, use canudinho (para evitar o contato com os dentes) e higienize a boca logo em seguida. 2- Não fume Estudos indicam que a nicotina e a fumaça do cigarro afetam o esmalte e as estruturas dentais da arcada. O famoso sorriso amarelo que denuncia quando alguém é fumante vem deste processo que ocorre. Porque não compensa investir no clareamento para depois fumar e perder o efeito, compensa? 3- Tenha atenção redobrada com a pasta e o enxaguante Certos cremes dentais que “branqueam” o sorriso não devem ser usados por muito tempo, eles são abrasivos e podem desgastar os dentes enquanto removem os pigmentos. Evite pasta dental colorida demais por causa dos corantes (alguns enxaguantes bucais também são assim), o que acaba por manchar os dentes. 4- Acerte na escolha da escova dental Investir na escova de qualidade e que seja anatômica de acordo com o tamanho e formato dos dentes, é essencial. Isso porque a escova dental com cerdas macias e cabeça arredondada para alcançar os lugares mais escondidos da boca impedirá que alimentos corantes fiquem...
Página 1 de 212