O vazio na boca provocado pela falta de um ou mais dentes é solucionado com os implantes dentários.

E se pararmos para falar sobre a eficácia desse método, entram em cena os cuidados que todo paciente precisa ter, tanto após a cirurgia, quanto de forma constante por toda a vida a fim de evitar riscos. Então confira as orientações a seguir.

Atenção logo após a cirurgia do implante

O indicado é ter prudência nas primeiras 72 horas. Repousar; tomar os remédios na hora certa; comer sorvete ou alimentos gelados para aliviar a dor (fazer compressas de gelo quando o dentista recomendar); não ingerir alimentos e bebidas duros, quentes ou ácidos nos primeiros dias; caprichar na higiene bucal (sem aplicar força na escova); evitar bebida alcoólica ou cigarro; não assoar o nariz ou cuspir; não mastigar na área do implante durante a cicatrização.

Implante dentário em Belo Horizonte

Em caso de edemas, sangramentos persistentes ou indícios de alergia a algum dos medicamentos (coceiras, mudanças no tom da pele, manchas), consultar o dentista o mais rápido possível.

Riscos oriundos da falta de cuidado

Não adotar aquelas medidas de cautela aumenta as chances do paciente ter chateações após o procedimento cirúrgico, como infecções (o que é péssimo); complicações nas raízes dos dentes vizinhos; um implante frouxo (fica saindo) ou até mesmo a perda do implante (investimento jogado fora, infelizmente).

Por isso é tão importante levar a sério o período de cicatrização e também a manutenção, afinal tudo interfere na duração do implante.

 Clique aqui e receba GRÁTIS o Guia Definitivo sobre Implante Dentário  

Desconfortos relacionados ao descaso com os implantes

A questão da higienização e manutenção corretas dos implantes é algo muito sério, caso contrário o paciente pode desenvolver alguns tipos de inflamações. Sangramentos, alteração na cor da gengiva, dores e movimentações do implante devem ser notadas e reportadas ao dentista, para ele avaliar o estado do tratamento, evitando seu fracasso.

Deu para entender um pouco sobre os cuidados com o implante, tanto no pós-operatório quanto durante o tempo de vida do tratamento? Prevenir é a melhor escolha para o implante durar bastante, evitando gastos desnecessários. E isso inclui o acompanhamento regular no dentista (ele orienta a frequência de consultas), para verificar o estado do parafuso e da sua saúde bucal. Então simbora cuidar da saúde da sua boca e dentes para sorrir pra vida com um implante altamente bem sucedido!