(31) 3224-7378 / (31) 98623-9711 (whatsapp) - contato@odontologiaesaudebh.com.br

Endocardite Bacteriana: Cuide do seu Coração

Endocardite Bacteriana: Cuide do seu Coração

No post anterior explicamos sobre a Odontologia do Esporte, área que trata a saúde bucal de um atleta profissional. Hoje é Dia do Cliente e relacionaremos um pouco a Odontologia do Esporte com um assunto muito importante, falaremos sobre a endocardite, doença de causa bacteriana que já levou atletas profissionais e não profissionais à morte, infelizmente. Confira abaixo o que fazer para evitá-la.

Como ela ocorre
A chamada endocardite bacteriana acontece quando uma bactéria atinge a válvula do coração ou do endocárdio, ou seja, o músculo do coração. No local onde a bactéria se aloja, ela passa a criar um ninho, o que gera uma destruição gradativa da válvula do coração, além de se espalhar para o resto do corpo, podendo afetar qualquer parte. As pessoas que possuem problema congênito na formação do endocárdio ou que já sofreram com alguma alteração na válvula do coração, têm grandes chances de desenvolver a doença. Sem estas características, fica mais difícil da bactéria alojar no coração e ali criar uma colônia de bactérias por causa da velocidade normal do fluxo sanguíneo, que acaba “limpando” o local.

A relação dela com a odontologia
Vários agentes vivem na boca, alguns deles em plena harmonia, outros nem tanto. Quando algum destes agentes – como por exemplo a bactéria da cárie ou a bactéria que causa doença periodontal – entram no organismo e chegam até o coração que é vulnerável (endocárdio ou válvula sensíveis), acontece a endocardite bacteriana. Portanto, a causa da doença está diretamente ligada ao descuido com a saúde bucal.

É ideal que antes de realizar tratamentos dentários mais invasivos alguns pacientes façam uma aplicação preventiva, sob orientação do dentista, de antibióticos para evitar possíveis infecções. Intervenções odontológicas mais complexas (raspagem, exodontia, tratamento de canal dentre outras) como também lesões bucais que precisam ser tratadas deixam uma “porta aberta” para a entrada das bactérias no organismo, o que é perigoso e um facilitador para o desenvolvimento da endocardite bacteriana.

Como prevenir
Tanto os atletas profissionais, os atletas não profissionais e os não atletas, é importante que façam um acompanhamento com o cardiologista para detectar alguma anormalidade no coração. Certos defeitos do órgão são imperceptíveis e não impedem a prática de atividade física, portanto é importante saber se o coração apresenta algo de diferente.

Outra atitude importantíssima a ser tomada é o cuidado com a saúde bucal, fazer uma escovação correta dos dentes, utilizar o fio dental com frequência para retirar melhor os resíduos de alimentos e ter acompanhamento frequente de um dentista para ele identificar qualquer tipo de irregularidade (tártaro, placa bacteriana, cárie, gengivite etc) é essencial.

Agradecemos todos os nossos pacientes pela confiança e parceria. Vocês estão de parabéns por já terem se engajado na causa principal da Mr. Clean: a prevenção da saúde bucal. Aos que já se engajaram em nossa causa fica aqui nosso muito obrigado e aqueles que ainda não conhecem o PAP (Programa de Acompanhamento Preventivo), estão mais que convidados para conhecerem e começarem uma vida com mais saúde bucal desde já! 😉

Você também pode gostar de:


A IMPORTÂNCIA DE HIGIENIZAÇÃO BUCAL DEPOIS DOS IMPLANTES

A IMPORTÂNCIA DE HIGIENIZAÇÃO BUCAL DEPOIS DOS IMPLANTES

A higiene bucal para quem fez implantes é extremamente necessária e não pode ser negligenciada de forma alguma. Como os dentes naturais, os implantes precisam da mesma higienização, pois estão sujeitos a placa bacteriana e doenças bucais que afetam a saúde geral. Apesar do maior polimento, os implantes formam placas e nada justifica a falta de higiene. Se você tem implantes e não higieniza conforme todos os padrões, corre...
Dia nacional do Idoso

Dia nacional do Idoso

No próximo sábado será comemorado o Dia Nacional do Idoso, data importante de ser comentada porque a inversão da pirâmide social do Brasil indica que teremos uma população idosa volumosa nos próximos anos. E independente da condição de vida mais sensível que um idoso geralmente enfrenta, percorrer a terceira idade com uma boa saúde bucal é possível. A seguir daremos algumas dicas, confira. Quais são os incômodos mais frequentes?...
Qual o valor de um implante?

Qual o valor de um implante?

Se você chegou até aqui procurando quanto investir em um implante dentário e não quer ler até o fim do post, posso ir te adiantando uma coisa: a única forma de ter um planejamento real é marcando uma avaliação. Neste texto, vou dar algumas dicas para saber se você precisa ou não desse tratamento e falar sobre o valor de um implante. Um pequeno teste Primeiro, leia atentamente as...
A RELAÇÃO DA SAÚDE EMOCIONAL COM A SAÚDE BUCAL

A RELAÇÃO DA SAÚDE EMOCIONAL COM A SAÚDE BUCAL

Tem hora que ao atendermos pacientes reclamando de alguma dor de dente, coincide deles falarem que haviam passado por um momento de estresse emocional horas antes do dente começar a doer. Ou que a rotina está muito puxada. Qualquer que seja o motivo, se ele está ligado à saúde emocional de uma pessoa, com certeza o desequilíbrio desta saúde pode afetar a saúde bucal. Nas próximas linhas a gente...
SEM MEDO DE SORRIR E SER FELIZ

SEM MEDO DE SORRIR E SER FELIZ

Parodiando nosso ilustre Vinícius de Moraes, o texto de hoje começa com a seguinte reflexão: “nos perdoem as pessoas sérias, mas um sorriso no rosto é fundamental”. Carregar um sorriso no rosto faz toda a diferença no convívio social, seja em casa, na rua ou no trabalho, não é mesmo? Em qualquer idade, crianças, adolescentes e adultos são sempre bem vistos quando têm em sua fisionomia um belo sorriso,...
Troque os hábitos por um sorriso bonito

Troque os hábitos por um sorriso bonito

Todo clareamento dental (laser ou moldeira), exige no mínimo, 72h de alimentação especial, sem corantes e acidulantes. Diversas pessoas desistem do sorriso perfeito por acharem que irão passar fome, ou por não conseguirem ficar sem beber refrigerante, sucos, café ou fumar por alguns dias. Se você não sobrevive sem alguns alimentos como chocolate, chá, molho de tomate, etc, pode ser necessário uma reeducação alimentar antes do clareamento. Quais hábitos...